NÃO DEIXE O MAU HUMOR ATRAPALHAR SEUS SONHOS

Bravo, intolerante, inflexível, instável, de trato difícil: alguém que está sempre pronto a formular críticas negativas e que enfatiza a infelicidade da vida e das outras pessoas; alguém que perambula pela vida com a nuvem nebulosa trovoando sobre a própria cabeça independente do sol estar reinando no céu ou as pessoas amadas e amigos estarem ao seu lado comparsas de seus projetos.

O mal humorado não tem olhos para o agradecimento, não sabe pedir favores sem agredir, não sabe elogiar e o mundo inteiro está longe de ter sua perfeição. Normalmente, as pessoas, quando podem, se afastam dele, porque a onda de negativismo é um peso no convívio e a energia de quem está por perto acaba sugada pelo buraco negro que essas pessoas representam.

Saiba que isso pode ser uma grande pedra no sapato de quem está tentando concurso.  Por quê? A visão negativa faz com que a pessoa veja qualquer desafio como uma enorme fonte de estresse e que a condição de luta e batalha para vencer os editais, dificuldades, horários pode ser vista pelo mal humorado como um baile no inferno. Não importa se está tendo apoio de familiares, se tem saúde, se tem recursos de estudo, se tem boa alimentação….tudo isso fica reduzido à visão de que está sofrendo para conseguir o que quer, ou seja, a janela pela qual olha o mundo é sempre a pior possível.

Nesse estado, estudar fica muito mais difícil; a cabeça se inunda de sentimentos ruins e os problemas não evoluem para uma solução. Qualquer dificuldade no conteúdo parece muito maior. Os horários apertados machucam muito mais do que quando se tem calma e, de repente, você vê muitas pessoas se atritando com você. Isso é um passo certo para o insucesso.

Você se identifica? Siga conosco que vamos lhe ensinar a sair dessa.

1 ) Identifique-se

Primeira e mais importante dica: identifique se você sofre desse mal. Não estamos falando daquele mau humor que aparece vez ou outra, mas de um que vem do nada, com visitação diária, e que gruda em você dificultando você a seguir sua rotina gerando um estava de desconforto ao seu redor onde as pessoas ou ficam receosas de você ou se recolhem para não sobrar para elas ou, mesmo, somem para não ter que aguentar algo que não lhes cabe. Perceba se isso ocorre com frequência.

2) Seja reativo

Se você se identifica, seja reativo. O que é isso? Não deixe que o mau humor se instale como se “fosse de casa”. Sente-se e reflita: “As pessoas merecem me aguentar assim? Eu preciso mesmo passar por esse cárcere privado? O que está me atormentando?”. Procure os motivos que podem estar gerando isso em você. Às vezes, podem ser vários; às vezes, pode ser um; às vezes, você não consegue identificar. Seja qual sua situação, é imprescindível que você reflita sobre isso. O simples ato de fazer isso já gera uma sensação melhor de controle e cria limite sobre a situação. Se advém de uma situação concreta, pense no que está fazendo para melhorar. Se está fora do seu controle, pense que seu humor não mudará nada dessa situação (já que não depende de você) e apenas fará você sofrer e, pior, todos à sua volta também se afetarão.

3) Pense em contrastes

De posse de evento que está gerando mau humor, pense nos contrapontos, ou seja, pense em todas as coisas boas que estão acontecendo atreladas a tudo isso. Por exemplo: você está com dificuldades para estudar uma disciplina, pense nas pessoas que se ofereceram para ajudar ( seus verdadeiros amigos), pense que tem boas condições de estudo, pense que está bem de saúde e tem opções de alimentação, pense o quanto tem sido criativo para procurar soluções…enfim, considere todos os arredores da situação que estão fazendo você crescer  ou explicitando a enorme sorte que você.

4) Assista a vídeos motivacionais

Há uma boa oferta de vídeos motivacionais na internet. Procure e faça bom uso deles. Você verá que eles podem gerar um ótimo estado de espírito em você, mesmo se o seu humor tem origem em um estado difuso e pouco claro. Veja o que melhor você se identifica e use-o a seu favor.

5) Olhe para baixo

Olhe para as pessoas que têm problemas muito maiores que o seu. Veja como agem e como fazem para superar. Você sentirá que os seus problemas são bem menores do que você os vê. Há sempre alguém pior que nós e que sabe reagir bravamente às situações. Mire-se no exemplo. Sinta-se forte e capaz. Encontre o seu equilíbrio interno.

6) Faça uma lista

Faça uma lista ou apenas pense em 5 acontecimentos positivos que teve durante o seu dia. Isso ajudará você a refletir de forma positiva sobre as ocorrências do seu dia criando uma certa “imunidade” para o mau humor não se instalar.

7) Observe os outros

Procure ao seu redor pessoas como você, com humor instável, e veja como é chato olhar isso de fora; veja como os outros reagem a essa pessoa e pense que o mesmo pode estar acontecendo com você.

8) Valorize as amizades

Mantenha contato com os amigos e pessoas amadas, especialmente se são pessoas de bom astral; essas pessoas são exemplos e higienizam sua energia. Esforce-se para seguir seus exemplos e suas atitudes.

9) Saiba apreciar o simples

Se você pensar bem, verá que 90% do seu dia é composto por coisas simples e repetitivas: trabalho, refeições, banho, dormir etc. Aprenda a apreciar cada detalhe do seu dia. Sinta a água quente do seu banho, dê atenção ao sabor da comida que é feita para você, sinta o conforto e a proteção de dormir em uma cama quente, abençoe o trabalho que é feito em condições seguras….Enfim, coloque uma lupa para enxergar os prazeres que o simples pode trazer para você. A felicidade é aquilo que você vive enquanto pensa que está caminhando para ela. Presentifique; não viva no futuro, muito menos no passado. A felicidade está no agora.

10) Seja alguém consciente

É importante andar pela vida com os olhos abertos. Saber falar é acima de tudo saber ouvir não apenas o que é dito em palavras, mas aquilo que é dito em gestos, que é dito em silêncios, que não é dito quando se conhece tão bem o outro e sabe-se bem a dificuldade de dizer algumas coisas. O silêncio nem sempre é ausência de palavras, mas a impossibilidade de lidar com o excesso. Confie mais na sua percepção. Seja sábio. Seja grato pelas oportunidade de crescimento que a vida dá e pelas pessoas maravilhosas que estão na vida para lhe ajudar no caminho. Não as afaste com seu mau humor. Seja dono de você! Nada é mais seu do que você mesmo!!!! Como quer ser dono de algo se não consegue cuidar de você mesmo?!

Para ter foco nos seus objetivos é preciso ter foco em você.

É preciso se apropriar da vida que você escolheu para você. Não pense que a vida começa quando você passar no concurso. Sua vida é agora, aqui, nesse momento de luta e de batalhas. Faça uso criativo disso e VENÇA QUALQUER BATALHA.